nov 17, 2017 / Pentagono Segurança

Segurança cibernética já é uma preocupação na sua empresa?

0

Quando falamos de segurança empresarial, também estamos falando em segurança cibernética. Afinal, hoje praticamente todas as empresas já atuam no campo do virtual, seja simplesmente com seu site ou realizando negócios na internet.

Você sabia que o Brasil é um dos países com maiores índices de crimes cibernéticos? Já pensou no tamanho do prejuízo (financeiro e de imagem) que seu negócio teria com vazamento de informações confidenciais?

Neste artigo resolvemos trazer essa reflexão. Você vai ver, a seguir, porque é importante pensar sobre segurança cibernética — e agir para prevenir dores de cabeça!

Continue lendo para entender!

O que é segurança cibernética e porque ela importa para a sua empresa?

Segurança cibernética

Ao ler este artigo, você está circulando por uma das bilhões de vias no espaço cibernético. O mundo virtual, ou online, está tão presente em nosso dia a dia que nem nos damos conta de que ele é um mundo paralelo.

Da mesma forma, as empresas e os negócios, em maior ou menor medida, têm hoje suas extensões cibernéticas. Em outras palavras: milhões de dados corporativos circulam hoje nas redes internas e externas da empresa.

Logo, é preciso se preocupar com a segurança cibernética que, basicamente, é garantir integridade, confidencialidade e disponibilidade dos dados, bem como evitar ataques provocados por softwares e pessoas mal intencionadas que possam minar o desempenho da empresa.

Para se ter uma ideia da importância do assunto, uma pesquisa Symantec apontou que o Brasil está em 8° lugar no ranking de países onde se originam as mais poderosas fraudes virtuais.

Todos os anos, empresas de todos os portes e em todos os segmentos perdem dinheiro e sofrem ranhuras em suas reputações por não estarem preparadas para os riscos relacionados à segurança cibernética.

Como sua empresa está se preparando para lidar com o assunto?

Um outro estudo, realizado pela IBM, detectou que a maior parte dos incidentes de segurança da informação nas organizações se dá por erros cometidos pelos usuários. Ou seja, as pessoas acabam, sem querer ou até querendo, tornando o ambiente cibernético mais suscetível a ataques de hackers.

A utilização de softwares piratas, a prática de baixar conteúdos de qualquer site, o compartilhamento de senhas, entre outras práticas, fazem com que os crimes virtuais proliferem na mesma velocidade em que a indústria da tecnologia se aprimora.

Os especialistas da IBM concluíram que isso acontece porque muitas empresas não têm uma política de garantia de segurança de seus dados, não utiliza metodologias e ferramentas para este fim e sequer conscientizam seus colaboradores.

É possível pensar em segurança empresarial sem pensar a segurança cibernética?

Finalizamos com a pergunta retórica que dá título a este último tópico. E a resposta é: não! A segurança da informação é hoje parte fundamental da segurança de qualquer negócio. On e offline estão mais integrados do que nunca. Por isso, é preciso planejar e executar ações preventivas de uma maneira mais holística.

Agora conte pra gente, como este assunto tão importante está sendo tratado na sua empresa? O que você achou deste artigo? Deixe seu comentário!

Postado em: Security Barriers, segurança
Comentários
Sem Comentários
Ainda não há comentários.